Viagem Para Moscou

Moscou é uma cidade movimentada, com muitas lojas, bons restaurantes, uma rica história e cultura, além de vida noturna vibrante e uma arquitetura de encher os olhos. A capital russa possui alguns dos pontos turísticos mais conhecidos do país, como a  Catedral de São Basílio,  o Kremlin e a Praça Vermelha. Essas e outras atrações você verá a seguir em nosso roteiro de viagem para Moscou.

$ Conversão de Rublo russo para Real = Rublo 1.00 = R$ 0.06

MOSCOU TEMPO

Como Chegar em Moscou

viagem para moscou

As opções para entrar em Moscou são: avião, trem e ônibus.

  • Avião

    Moscou possui 4 aeroportos internacionais, no sudeste, inaugurado em 30 de maio de 2016, o Zhukovsky /Jukovsky (ZIA), no noroeste o Sheremetyevo (SVO) maior aeroporto da Rússia, no sul o Domodedovo (DME) é o mais movimentado, e no sudoeste o Vnukovo (VKO).

  • Aeroexpress / Аэроэкспресс

    Com exceção do aeroporto de Zhukovsky (ZIA), uma das formas mais rápidas e econômicas para sair dos outros 3 aeroportos e chegar até o centro de Moscou é usando o trem Aeroexpress. O ticket de passagem pode ser adquirido nos terminais de de auto-atendimento ou nas bilheterias dentro dos aeroportos e estações ferroviárias, aplicativo de celular e no site oficial (mais informações no site oficial aqui). Há 2 opções de bilhetes Business Class que é mais cara  e a Standard Class sendo mais econômica. Do aeroporto de Zhukovsky (ZIA) há transporte gratuito até a estação trem de Otdykh.
    O Aeroexpress possui Wi Fi gratuito.

  • Táxi

    É o jeito mais caro de se locomover em Moscou. O táxis podem ser agendados previamente através de aplicativos, tendo assim a prévia de quanto será a corrida e já podendo pagar com cartão de crédito. Você também pode utilizar os quiosques do aeroporto que têm o serviço de táxis credenciados. As empresas de táxis cobram um taxa mínima por viagem, sendo a média de 99 a 300 rublos. Você pode encontrar táxis que não possuem taxímetro, neste caso, o preço da corrida deve ser combinado antes com o motorista.
    Os serviços de Uber e similares também estão disponíveis em Moscou. É necessário baixar o aplicativo para usufruir do serviço ( Uber, Yandex Taxi ,Gett Taxi e City Mobil ).

  • Trem

    Moscou possui 9 estações ferroviárias. Todas estão próximas de alguma estação de metrô e do centro da cidade.

Estações Ferroviárias

  • Ônibus

O Yuzhniye Vorota (International Bus Station South Gate) é o principal terminal de ônibus, fica no sul de Moscou e os destinos são nacionais e internacionais. A partir do terminal é possível pegar um transporte gratuito até as estações de metrô mais próximas: Domodedovskaya, Maryino e Bratislavskaya. O tempo de espera do transporte é de 15 a 30 minutos.

Outros pontos finais para ônibus interurbanos são as estações ferroviárias – Paveletsky, Kazansky e as estações do metrô: Tushinskaya, Tyoply Stan e Vykhino.

A Estação Central de Shchelkovo está em reforma e não tem previsão de reabertura até 2019. Há plataformas temporárias apenas para o desembarque de passageiros.

O que fazer em Moscou

Praça Vermelha – Красная площадь = Krasnaya ploshchad

praça vermelha

Na época da União Soviética (1922 – 1991) os desfiles militares eram feitos nessa Praça. Hoje é o ponto turístico mais famoso de Moscou.  A Praça é linda tanto de dia quanto de noite e a maioria dos pontos turísticos você irá encontrar aqui.  Sendo eles: Catedral de São Basílio, Catedral Kazan, Kremlin de Moscou, shopping GUM, Museu de História, Mausoléu de Lênin e o túmulo de outros heróis soviéticos.

Catedral de São Basílio – Собор Василия Блаженногo = Sobor Vasiliya Blazhennogo

Catedral de São Basílio

É difícil encontrar adjetivos para descrever essa Catedral, mas simplificando ela é encantadora e com uma arquitetura divertida e única. Essa Catedral Ortodoxa está localizada na Praça vermelha, foi construída nos anos de 1555 a 1561 para celebrar a tomada das regiões de Kazan/Cazã e Astracã. Ela também é linda por dentro e cheia de detalhes que impressionam, a entrada é paga e custa aproximadamente 100 rublos para estudantes até 16 anos e 250 rublos para adultos.

Jardim de Alexandre – Александровский сад = Aleksandrovskiy Sad

Jardim Alexandre -Kremlim

São 3 jardins que se estendem ao longo dos muros do Kremlin. É um belo jardim para passear e também caminho para entrada e compra de ingressos para o Kremlin. Você encontrará o Memorial do Soldado Desconhecido (homenagem ao combatentes da Segunda Guerra Mundial), estátuas e fontes. O Jardim abre às 9 horas e a entrada é gratuita. Dica chegue às 9h para conhecer o parque com calma e para conseguir comprar ingresso para o Kremlin que abre às 10h, mas a bilheteria abre às 9h30.

Kremlin de Moscou – Московский Кремль = Moskovskiy Kreml

Kremlin de Moscou

Kremlin (Кремль) em russo refere-se a palavra “fortaleza”, podendo ser qualquer complexo fortificado das cidades Russas. O mais conhecido é o Kremlin de Moscou, mas você facilmente encontrará outros Kremlins pela Rússia. O Kremlin de Moscou já foi residência de czares russos e hoje é sede do Governo Russo.

O que tem no Kremlin de Moscou? Você encontrará canhões, armas, sino de 6 metros de altura, Campanário de Ivan com torre de 80 metros de altura (menores de 12 anos não podem subir na torre), Catedrais: do Arcanjo Miguel, da Deposição das Vestes, da Assunção e da Anunciação, Palácios: do Patriarca e do Arsenal.

Os ingressos são vendidos com atrações separadas.

Campanário de Ivan + Torre + exposição
(menores de 12 anos não podem subir na torre)
Ingresso:  500 rublos adulto e 250 rublos estudantes.
Horários: 10h15, 11h30, 13h45, 15h e 16h.

Praça das Catedrais + exposição
Entrada para todas as catedrais
Ingresso:  500 rublos adulto e 250 rublos estudantes.

Palácio do Arsenal do Kremlin
Acervo: joias da Coroa, Ovos Fabergé,  presentes diplomáticos e objetos dos czares.
Ingresso:  700 rublos adulto e 200 rublos estudantes.
Horários: 10h, 12h, 14h30 / 16h30h.

A bilheteria funciona das 9h30 às 16h30 e fica no Jardim de Alexandre. O horário de funcionamento do Kremlin é das 10h às 17h, não abre às quintas feiras e a entrada é feita pelo Jardim de Alexandre. Todas as terceiras terças feiras de cada mês a entrada é gratuita para menores de 18 anos.

Antes de entrar todos passam por detectores de metais e todas as bolsas grandes devem ser deixadas no guarda-volumes que é grátis. Fotos só são permitidas na área externa do Kremlin. Você não encontrará venda de alimentos na atração, então não entre com fome. Há grande espera na fila para comprar os ingressos. Mais informações no site oficial.

Mausoléu de Lênin – Мавзолей Ленина = Mavzolei Lenina

Mausoléu de Lênin

Está localizado na Praça vermelha. Há vários túmulos de outros lideres soviéticos durante o percurso até o mausoléu, no final do caminho você entrará em uma sala escura e encontrará o corpo de Lênin embalsamado. Vladimir Ilitch Ulianov usava o pseudônimo de Lênin, ele foi líder e fundador da União Soviética.

Para entrar também é necessário passar pela revista. Todos os objetos devem ser deixados no guarda-volume (custo aproximado de 50 rublos por pessoa) principalmente máquinas fotográfica e celulares. Mãos no bolso e bonés são vistos como desrespeito. Todos devem caminhar em fila e andar no mesmo ritmo. O local é cheio de guardas que chamam a atenção quando as regras são quebradas.

A entrada é gratuita. Funciona de terça, quarta, quinta, sábado e domingo das 10h às 13h. E possui filas enormes, principalmente no verão.

Catedral de Kazan

Catedral de Kazan

Situada na Praça Vermelha, essa Catedral Ortodoxa é mais simples que a de São Basílio. Em 1936 a Catedral foi destruída por Josef Stálin e em 1993 ela foi reconstruída conforme a original.
Aberta das 8h às 20h. A entrada é livre.

Museu Histórico do Estado

Museu Histórico do Estado

O Museu Histórico do Estado, também fica na Praça Vermelha e possui uma arquitetura belíssima. O acervo do Museu apresenta objetos da pré história e conta a história Russa.  As descrições do Museu estão em Russo. Funciona de segunda à sábado das 10h às 18h e domingo das 11h às 20h. Não abre às terças feiras e na primeira segunda feira do mês. Ingresso a partir de 250 rublos adultos.

Shopping GUM – ГУМ  = Gum

Shopping GUM

Na Era Soviética o GUM era loja de Departamentos Estatais com produtos padronizados para todos os moradores. Hoje em dia ele é o shopping mais chique de Moscou, há muitas lojas luxuosas. Não é um shopping barato, mas vale a visita. Fica na Praça Vermelha e funciona todos os dia das 10h às 22h.

Teatro Bolshoi

Teatro Bolshoi

O famoso Teatro Bolshoi fica a 800 metros da Praça Vermelha. Ele é encantador tanto por fora quanto por dentro. Esse edifício histórico apresenta espetáculos concorridíssimos de Ópera e Balé. Além de ser sede da renomada academia de dança e sonho de muitos bailarinos, o Balé Bolshoi.

Os ingressos para os espetáculos se esgotam rápido, se você pretende ir a uma apresentação garanta seu ingresso com antecedência. Os preços variam de 100 rublos a 15000 rublos. Site oficial

Você também pode fazer uma visita guiada pelo teatro. Elas acontecem de segunda, quarta e sexta, em russo a partir das 11h10 e em inglês das 11h15. O passeio dura 1 hora, com o custo aproximado de 1300 rublos por pessoa. Os ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do Teatro Bolshoi – porta nº12.

Rua Arbat

Rua Arbat

É a rua mais antiga de Moscou, movimentada tanto de dia como de noite, aberta apenas para pedestres, possui 1 km de extensão e está a 1,6 km da Praça Vermelha. A rua Arbat existe desde o século XV e foi a rua em que os Nobres moravam e faziam compras. As construções históricas ainda existem nos dias de hoje, mas ela não é mais a rua da Nobreza. Nela você irá encontrar muitos artistas de rua, monumentos, bares, restaurantes e museus, como a Casa de Alexander Pushkin (poeta russo).

Casa de Alexander Pushkin

A famosa casa azul celeste da rua Arbat abriga o museu do poeta russo Alexander Pushkin (Aleksandr Pushkin 1799-1837). Com objetos, fotos e manuscritos do poeta e de sua esposa. Aberto de quarta a domingo das 10h às 18h. Toda última sexta feira do mês o museu fica fechado.

Arte nas Estações do Metrô de Moscou

Metro Moscou

Pode parecer estanho, mas é isso mesmo, as estações do metrô de Moscou também são atrações turísticas, isso porque elas lembram mais luxuosos palácios do que uma estação de metrô. As estações fazem homenagens a escritores, poetas, heróis russos, países como Ucrânia e Bielorrussa, além de propagandas da antiga União Soviética.

A estação Mayakovskaya já ganhou um prêmio de design, ela homenageia o poeta Vladimir Mayakovsky (1893-1930). Outras estações famosas são: Komsomolskaya, Prospekt Mira, Kropotkinskaya, Novoslobodskaya, Ploshchad Revolyutsii.

 Parque Gorky

Parque Gorky serpia

O Parque Gorky fica a 3 km da Praça Vermelha. É um parque enorme com muitas atividades culturais e de lazer. Há vários lugares para alugar bicicletas e patins. Além das atividades de vôlei de praia, peteca, tênis de mesa, pedalinho no lago, esportes urbanos e radicais. No inverno os lagos tornam-se pista de patinação no gelo.

O Gorky é repleto de obras de artes, museus, parque de diversões e eventualmente acontecem exposições e festivais. É um ótimo lugar para fazer piquenique, mas se você não quiser levar nada para comer, existem vários quiosques espalhados pelo parque com ótimos lanches. O parque fica próximo das estações Oktyabrskaya e Park Kultury e diariamente está aberto ao público das 11h às 20h.

 kremlin Izmailovo

kremlin-izmailovo

O kremlin Izmailovo fica em Moscou a 11 km da Praça Vermelha. É um local pouco conhecido pelo turistas mas muito frequentado pelos locais. Sua arquitetura tanta externa como interna são únicas, coloridas e belas. Há uma infinidades de coisas para se fazer lá, museus, feiras, igreja, restaurantes, apresentações. Alguns deles são: Museu da história da Vodka, Museu do brinquedo, Museu do Pão, Museu do Traje e Cultura Russa, Museu do chocolate,  Museu da Frota Russa, Museu de costumes russos,  Igreja de São Nícolas, Palácio dos Matrimônios (onde acontecem casamentos), Palácio da comida russa,  Mercado de Izmailovo/Feira de Izmailovo/Mercado de Pulgas, entre outros.

Aos finais de semana tem brinquedo para as crianças, apresentações folclóricas e músicas. Domingo é o dia mais cheio, mas é quando todas as barracas do mercado funcionam.

O Mercado de Izmailovo é o lugar mais barato para comprar souvenires, você encontrará de tudo, mas de TUDO mesmo! Como: relíquias, artesanato, objetos da antiga União Soviética, tapetes, pele de animal, livros, porcelanas, instrumentos musicais, Ovos Fabergé e etc.

Resumindo esse lugar transborda alegria. O kremlin Izmailovo fica próximo a estação de metrô Partizanskaya. Mais informações no site oficial.

Parque Kolomenskoye – Коломенское

Parque Kolomenskoye

O Parque Kolomenskoye fica a 13 km da praça vermelha e leva cerca de 30 minutos de metrô, as estações mais próximas são Kolomenskaya e Kashirskaya. Em meio a tanto verde, belas paisagem e arquiteturas antigas, esse lugar é repleto de histórias. Já foi residência de verão e de caça do famosos duque russo Ivan Kalita, mais conhecido como Ivan, O Terrível. E também moradia de grandes czares, um deles Pedro I ou Pedro, O Grande, sendo um  Kremlin nessa época.

Além do belo parque e o rio Moscou, você irá encontra a Igreja de Nossa Senhora de Kazan do século XVII, a Igreja da Ascensão – construída em 1530 homenagem ao Nascimento de Ivan, O Terrivel, Igreja de São João Batista, Palácio Real do Czar Alexey Mikhailovich e o Museu Kolomenskoe.
Em 30 de maio acontece a festa – Aniversário de Pedro, o Grande e em 6 de setembro o Moscow Day.

Não há taxa para entrar no parque, algumas atrações cobram entrada a parte.

Hermitage Gardens

É um ótimo espaço verde no centro de Moscou. Fica a 2,1 km da praça vermelha. O jardim foi criado em 1894 em volta do Teatro Hermitage, onde passou pela primeira vez  o filme dos irmãos Lumière, em 1896. Hermitage Gardens é um local acolhedor e agradável, você encontrará espreguiçadeiras de verão, bancos, árvores, cafés, pista de gelo no inverno, artesanato, parque infantil e cinema de verão. Com frequência acontecem festivais de arte, gastronomia e concertos, principalmente no verão. Vale uma visita!

Aberto todos os dias. Entrada gratuita. Site oficial em russo.

 Museu Pushkin de Belas Artes – Музей изобразительных искусств им

É o principal museu de Moscou dedicado a obras de arte Europeia. Ele é dividido em 3 setores: Galeria de Arte do século XIX e XX, Civilização Antiga e séculos XVII e XVIII.

A Galeria de Arte do século XIX e XX contém pinturas impressionistas e pós-impressionistas, várias pinturas de Rembrandt – incluindo o “retrato de uma mulher velha”, Renascimento italiano com Botticelli, Tiepolo e Veronese.

Civilização Antiga apresenta: jóias, lápides, objetos e múmias dos antigos egípcios e “Tesouros de Troy”- objetos escavados que datam de 2500 aC.

Séculos XVII e XVIII:  pinturas francesas e italianas e o Rococó, com pinturas de Boucher.

O ingresso vária de 250 a 750 rublos por pessoa. Não há descontos para estudantes, salvo os casos citados a baixo.

Entrada gratuita para: Crianças menores de 16 anos,  estudantes russos e estrangeiros de faculdades de arte ou arquitetura de universidades russas e pessoas com deficiência de 1ª e 2ª classe com acompanhante.
Mais informações no site oficial.

As Sete Irmãs de Stalin

7 irmãs de stalin

As Sete Irmãs (The Seven Sisters) são 7 imponentes arranha-céus espalhados pela cidade de Moscou. Esses edifícios stalinistas foram construídos de 1947 a 1953 pelos lideres soviéticos, com estilos barroco e gótico russo. Os russo não usam a nomenclatura Sete Irmãs e sim Vysotki ou Stalinskie Vysotki (Сталинские высотки).

Os 7 arranha-céus são: Hotel Ukraina, edifício principal do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Kotelnicheskaya Embankment Apartments, Hotel Hilton Moscow Leningradskaya, Kudrinskaya Square Building , edifício principal da Universidade Estadual de Moscou e o Edifício administrativo Red Gates (Red Gates Administrative Building).

O mais famosos deles é o da Universidade Estadual de Moscou (MGU), podendo ser visto do observatório  Vorobyovy Gory.

Vorobyovy Gory – горы Воробьёвы

Vorobyovy Gory

Vorobyovy Gory  (inglês Sparrow Hills), até 1999 era conhecido como Lenin Hills (Ленинские горы, Leninskiye Gory). É uma plataforma de observação que fica na colina mais alta de Moscou com 220 metros de altura. Um ótimo lugar para apreciar a vista da cidade. É possível ver o rio Moscou, a Universidade Estadual de Moscou, a Catedral de Cristo Salvador, o centro financeiro e o Kremlin.

Pontos Turísticos de Moscou

Onde Ficar em Moscou

Em Moscou há hospedagem para todos os tipos de gostos. Não é fácil se hospedar em um ótimo lugar pagando pouco, principalmente no verão. Tente reservar o hotel com antecedência.

Um dos melhores lugares para se hospedar em Moscou é nas proximidades da Praça Vermelha. Não é a região mais barata mas você ficará muito bem localizado, poderá fazer a maior parte dos passeios a pé, economizará com transporte e também poderá voltar a noite na Praça vermelha, que fica muito bonita toda iluminada.

Um dos principais lugares para se ficar são: o bairro de Kitay-GorodКитай-город e nas ruas Tverskaya UlitsaТверская улицаArbat –  район Арбат.

Caso não consiga ficar nestas localidades, tente se hospedar próximo de alguma estação de metrô.

Moscou Pass / City Pass

Uma das formas de economizar para quem quer ir em todas as atrações turísticas de Moscou é adquirindo um City Pass de Moscou. Esse cartão da gratuidade e descontos em museus, restaurantes e transportes.

Apenas em alguns casos esse cartão vale a pena. É necessário calcular o valor do ingresso de todas as atrações que você pretender visitar para saber se compensa comprar o City Pass.

Mais informações Moscow CityPass e Moscow Pass 

Veja também:

Essas foram as dicas de Viagem Para Moscou.