Viagem para Itália

guia-de-viagem-para-italia

Em uma Viagem para a Itália você irá descobrir porque viajar para a Itália será uma das melhores experiências  de sua vida. Onde você pode encontrar história, arte, moda, gastronomia e la dolce vita (“vida boa”) tudo em um mesmo país. Há ilhas ensolaradas, estações de esqui, vulcões, vinhedos e paisagens urbanas que são Patrimônio Mundial da UNESCO. Poucos lugares oferecem tamanha variedade de atrações e deixam os visitantes com tanto desejo de retornar.

Roma, Veneza, Florença e Nápoles são lugares artísticos e arquitetônicos que atraem muitos visitantes.  Suas características influenciadas por Marco Polo, Giotto, Leonardo da Vinci, Brunelleschi e Michelangelo como também o início do Renascimento da arte Ocidental e da arquitetura.

Curta todos os esplêndidos palácios, pinturas, igrejas, monumentos, arte local,  vinho,  pedra de Cinque Terre, colinas de Chianti, planícies fluviais do vale do pó e encostas vulcânica do Etna, ande de bicicleta, esquie nas Montanhas, mergulhe nas águas da Sardenha, suba os vulcões Eólias, vá ao  mercado em Nápoles e desfrute de toda a gastronomia Italiana.

Informações Gerais da Itália

Capital: Roma
Moeda: Euro (€)
Tipo de tomada:

Tipo C         tipo-C

Tipo F         Tipo F

Tipo L         tipo L

Voltagem 220v/230v – 50Hz

Internet e Telefonia:  Existem acordos de Roaming com a maioria das empresas de telefonia móvel. A cobertura é boa. Há pontos de Wi-Fi gratuitos em  cidades como Florença, Roma, Trento, Comiso, Veneza, Milão e Bolonha. Na maioria das hospedagens, aeroportos e estações de trem também. Cafés costumam cobrar acesso a internet  de €5 a €13 por hora. Código de discagem do país +39.

Dicas de segurança: Tomar cuidado adicional com batedores de carteiras e com suas bagagens, bolsas e mochilas em trens, aeroportos e lugares de grande aglomeração de pessoas em centros urbanos. Na Itália também deve-se tomar cuidado com roubo e furto de carros alugados, então evite deixar objetos de valor dentro do veículo.

Conversão de Euros para Real = € 1.00 = R$ 3.80   (valor atualizado diariamente)

 

O Que Fazer na Itália

o-que-fazer-na-italia

Carnaval de Veneza

São 10 incríveis dias de Carnaval, que antecedem a quaresma (geralmente acontece em fevereiro como no Brasil). Esta tradição remonta a séculos e é uma das maiores festas na Itália. Você também pode comprar um ingresso para participar do tradicional baile de máscaras. Nessa época a cidade fica mais cheia e cara, reserve tudo com antecedência. E aproveite o Carnaval de Veneza!

Veneza

Além do Carnaval, Veneza é um ótimo lugar para se visitar. Apesar de não ser o destino mais barato da Itália. É um  ótimo lugar para ver os famosos canais, ter a experiência de passear de gôndola e apreciar um incrível jantar romântico à luz de velas. Se você quer encontrar bares e bebidas baratas vá ao bairro Gueto Judeu, lá você irá encontrar diversos bares e restaurantes, vida noturna agitada, gastronomia judaica e belas construções judaicas.

Milão 

Milão é a capital da moda na Itália. Aproveite o glamour de Milão, veja as novas tendências e faça compras. Não há muitos pontos turísticos na cidade, portanto, você não precisará mais do que 1 ou 2 dias na Cidade.

Pompeia

Pompéia foi destruída pelo vulcão Vesúvio no ano de 79 d.C.  As cinzas e lama do vulcão preservaram as construções da época, além de petrificar os corpos dos moradores e dos animais. Ao caminhar pela cidade você encontrará vários corpos petrificados. Hoje a cidade está entre as atrações turísticas mais visitadas da Itália, é um sítio arqueológico e Patrimônio Mundial da UNESCO.

Roma

Roma é uma cidade maravilhosa de ruas pequenas e grandes histórias. Há muito o que fazer em Roma, você vai precisar de vários dias para conhece-lá. Pontos turísticos: Coliseu, Monte Paladino, Fórum Romano, Monumento a Vítor Emanuel II da Itália, Panteão (Pantheon), Fontana dei Quattro Fiumi, Fontana di Trevi, Museu Nacional Romano e Museu Capitolino.

Pisa

O monumento mais famoso da cidade é a torre de Pisa, todas as pessoas querem tirar uma foto como se estivessem segurando a torre. Na praça Piazza/Campo dei Miracoli você encontrará a maioria dos pontos turísticos e poderá fazer tudo a pé. Você também pode aproveitar para fazer um passeio de barco pelo rio Arno e apreciar a arquitetura medieval.

Siena

É uma das cidades medievais mais bem preservadas da Itália. Piazza del Campo é a principal praça da cidade, ela possui um design diferenciado no formato da letra “D”. No verão a praça é palco da corrida de cavalos Palio de Siena.

Cinque Terre

Esta região é constituída de cinco aldeias localizada na costa oeste da Itália – Riviera Ligure, apoiada por montanhas íngremes e vinhedos.  Riomaggiore,  Manarola,  Corniglia,  Vernazza e Monterosso al Mare são os 5 belos vilarejos que fazem parte de Cinque Terre. Você pode fazer diversos tipos caminhadas, que variam com alguns tipos dificuldades. Você encontrará o Pesto original, frutos do mar e um bom vinho local. Cada cidade tem sua própria personalidade, por isso, visite as cinco.

Costa Amalfitana

A Costa Amalfitana está localizada na província de Salerno. Não é um lugar tão turístico, mas é tão bonito quanto ou até mais que Cinque Terre. Você vai encontrar cidades na encosta, belas praias e um mar de água azul para se refrescar. Fazem parte da Costa Amalfitana: Positano, Cetara, Vietri sul Mare, Tramonti, Maiori, Ravello, Scala, Atrani, Amalfi, Conca dei Marini, Furore, Praiano e Minori.

Nápoles

A cidade ao sul da Itália é conhecida pelas famosas pizzas, ao ir para Nápoles não deixe de experimentar uma pizza (mesmo que ela não seja parecida com a do Brasil). Nápoles está em um ponto estratégico, fica por volta de 1h de trem de Roma e 1h30 de Pompeia, além disso, você ainda pode fazer um passeio de bate-volta de barco até a Ilha de Capri e Sorrento.

Lagos

A região dos Lagos fica ao norte da Itália, com os lagos Maggiore, Lago di Como e o Lago di Guarda, são de fácil acesso e ficam próximos as cidades de Verona e Milão. É o local de descanso veraneio de muitos Italianos e até mesmo do famoso ator George Clooney. Você encontrará grandes mansões e belas paisagens.

Florença

A cidade é incrível! Tem uma gastronomia deliciosa, belos museus, prédios antigos, ruas pequenas e um sorvete maravilhoso. Faça um passeio pelas vinícolas da Toscana.

“O Salto da Bota”

São poucos os turistas que vão para o sul da Itália, na parte do mapa representada por um salto de bota. Se você tiver tempo, visite a bela região da Puglia. A Puglia possui praias paradisíacas e belas cidades. Conheça Polignano a Mare, essa cidade foi construída sobre falésias que dão uma bela vista para o mar de água azul, possui restaurante renomado e uma arquitetura histórica. Lecce essa pequena cidade possui rua estreitas, diversas igrejas Barrocas e uma gastronomia local. Gallipoli e Punta Meliso são regiões históricas que possuem um mar encantador.

Sicília

A Sicília é famosa por sua máfia, mas não precisa ter medo quando você for para lá. A cidade tem sua própria personalidade na gastronomia, praias incríveis, clima agradável, extensas vinícolas e moradores amigáveis.

Sorrento

Se você está procurando tranquilidade e um local menos turístico, Sorrento é o lugar perfeito. Cidade tranquila, repleta de montanhas e vales, no Sul da Itália. Também é uma ótima cidade base para conhecer as ilhas na Costa Amalfitana.

Alberobello

Patrimônio Mundial da Unesco, esta é uma cidade interessante e pitoresca. Há  museus, ótimos restaurantes, bares e mercados. Se você quiser evitar turistas e batedores de carteiras, vá entre os meses de novembro e abril.

Museus do Vaticano

É um complexo de museus com mais de cinco hectares, localizado em Roma  e fundado no início do século 16. Há tantos destaques inestimáveis, que você poderia passar horas olhando tudo o que tem. Para entender mais sobre a história e o museu faça um passeio guiado. O ingresso tem o custo aproximado de 16 Euros.

Chiesa di Sant’Efisio

Na cidade de Cagliari, mas precisamente no bairro de Stampace. Fica a igreja dedicada ao Santo padroeiro Ephisius, esta é a igreja mais importante da cidade, foi construída sobre o local da prisão do santo.

Faça uma de aula de culinária

Se você gosta da gastronomia Italiana e quer aprender os segredos. Inscreva-se nas aulas de culinária. Os preços variam, mas o custo geral fica entre 75-300 Euros para 1 dia de aula.

Lucca

Lucca fica perto de Florença, é uma cidadezinha muito charmosa, bem conservada e cercada por uma muralha. Você pode conhecer a cidade usando uma bicicleta, é um meio de transporte muito comum na região. É um ótimo lugar para relaxar e fugir da multidão de turistas no verão.

Emilio-Romagna

Localizada no nordeste da Itália, esta entre as regiões mais ricas da UE (União Europeia). E também abriga a universidade mais antiga do mundo (Universidade de Bolonha).

Capri

Está entre as ilhas mais badaladas, famosas, destino certo de muitos artistas e o destino mais desejado e paradisíaco.
Além das praias maravilhosas e o mar de cor deslumbrante, há muitos pontos turísticos para conhecer. A região não é barata mas vale a pena conhecer. Se você pretende ir na alta temporada – Julho e Agosto, reserve tudo com antecedência e prepare-se para ver a ilha lotada de turistas.

 

Pontos Turísticos na Itália

Melhor Época para Viajar para a Itália

melhor-epoca-para-viajar-para-italia

 

Uma informação que as pessoas sempre buscam em um roteiro de viagem para Itália é qual a melhor época para visitar o país. É um destino que pode ser  visitado o ano todo.

Se você prefere dias mais quentes o períodos é entre abril e agosto, sendo julho e agosto os meses mais cheios e caros. A maioria dos Italianos tiram férias nestes meses de verão. Se você quiser evitar a alta temporada em um clima mais ameno os meses de setembro e outubro são uma boa escolha.

Apesar da Itália não ser um país tão grande em extensão territorial possui algumas diferenças climáticas conforme a região. No inverno ao norte do país é possível ver neve enquanto ao sul as temperaturas são um pouco mais elevadas ( exemplo: Milão ao norte com -2 °C e Nápoles ao sul com+12 °C ).

No verão os dias são mais longos quentes e  secos. Já no outono as temperaturas ficam mais amenas e com possibilidades de chuva e dias de sol. No inverno os dias são mais curtos, frios com mais possibilidade de garoa e neblina  e em algumas cidades neva . Já na primavera os dias começam a ficar mais quentes e as flores aparecem, porém há possibilidades de chuvas.

  • Verão: de Julho a Agosto
  • Primavera: inicio de Abril ao final de Junho
  • Outono: de Setembro a Novembro
  • Inverno:  de Dezembro a Março

Que Roupas Levar para a Itália

Se você for visitar a Itália no verão opte por roupas leves, exceto nas montanhas. Na primavera e outono o clima pode ficar um pouco mais frio a depender da região Italiana visitada, então é sempre bom se prevenir levando roupas de frio, botas, roupas impermeáveis e guarda chuva. Está época caracteriza-se por chuva fina e garoa. A temperatura cai com o anoitecer.

No inverno, principalmente se estiver numa região montanhosa, o ideal é utilizar roupas em camadas (1ºcamada- segunda pele, 2ºcamada- aquecimento e 3ºcamada jaqueta de proteção), impermeáveis, botas, toucas, luvas, cachecóis e guarda chuva. Chuva e neblina são características dessa estação e em algumas regiões pode nevar.

 

Quanto Custa Viajar Para Itália

quanto custa viajar para italia

Custo de Hospedagem na Itália

Hostel com quarto compartilhado custa por volta de de 18 – 30 Euros por noite, para quartos privados os preços ficam aproximadamente entre 50 – 100 Euros por noite. A maioria dos hostels oferecem roupa de cama e wi-Fi. Um quarto básico em hotel custa aproximadamente 70 Euros por noite.
Airbnb com casa/apartamento compartilhado tem o custo aproximado de 20 Euros por noite, já o aluguel de casa/apartamento privado custa a partir de 40 Euros a diária.

Comida na Itália

A Itália é conhecida pela sua cozinha – massas frescas, pão, tomate, pizza, sorvete (gelato) e vinho. É fácil ter uma ótima refeição em qualquer lugar da Itália, porém isso pode sair caro.  A maioria das refeições em restaurantes têm o custo aproximado 25 Euros por pessoa, se for em pontos turísticos, adicionar cerca de 10 Euros por pessoa.

Fatia de pizza, paninis (baguete com recheio) e lanches  custam aproximadamente de 2 – 7 Euros. Fast-food como McDonalds tem o custo inicial de 9 Euros por uma refeição.

Quando você for a restaurantes, lanchonetes, cafés e etc, tome cuidado com o “coperto“. Coperto é a taxa cobrada por estabelecimentos para a pessoa que comprou algum tipo de refeição e quer sentar para comer, é isso mesmo, além do cliente pagar para comer ele também paga para sentar. Isso é bem chato, mas é assim que funciona na Itália. A taxa varia de 0,50 até 5 Euros. Se você não quiser pagar pelo coperto terá que comer em pé ou arrumar outro lugar que dê para sentar sem pagar. Essa taxa não faz parte de todos os estabelecimentos, mas a maioria cobra. E nem sempre esta escrito no cardápio que será cobrado o coperto, para evitar sustos sempre pergunte se há taxa e o valor.

Custo do Transporte na Itália

Uma boa maneira de conhecer a Itália é através de sua extensa rede ferroviária. Trens rápidos (Eurostar) custam aproximadamente 35 – 65 Euros por viagem. Já os trens regionais custam por volta de 6 – 25 Euros por viagem. Florença para Roma de trem tem o custo aproximado de 29 Euros e a viagem leva 95 minutos, indo de ônibus o preço aproximado fica de 17 Euros e leva cerca de 4 horas. Pisa para Milão de trem custa por volta de 35 Euros com  3h50 de viagem, através do ônibus o custo aproximado fica de 17 Euros e 6h50 de viagem. Para viagens de longas distâncias quando você estiver com pouco tempo disponível, procure passagens nas companhias aéreas Low Cost como Ryanair e a EasyJet, elas possuem voos mais baratos.

O Valor médio do bilhete de transporte público para ônibus e metrô é de 2 Euros. Uber está disponível nas principais cidades da Itália.

Passeios na Itália

A Maioria das atrações e museus na Itália custam entre 13- 20 Euros por pessoa. Espere pagar mais se você quiser uma visita guiada, em locais como o Vaticano ou o Coliseu. Quando você reservar as visitas guiadas, pode conseguir algum desconto se tiver reservado outras visitas guiadas com a mesma empresa. Se você for fazer  todos os  passeios turísticos, o cartão turístico de descontos da cidade pode te ajudar a economizar. Excursões para vinícolas custam aproximadamente 60-75 Euros. Aulas de culinária podem ter o custo aproximado de 75 – 300 Euros por pessoa.

 

Como Economizar Dinheiro na Itália

como economizar dinheiro na italia

 

Pular o Pão – Na região do Lácio (Roma faz parte do Lácio), muitos restaurantes oferecem pão logo após o cliente  sentar se a mesa, e depois cobram por eles. Se você não quiser pagar pelo pão devolva-o imediatamente. Fora desta região, o pão está incluído no preço.

Comer  Panini – Comer todas as refeições em restaurantes, nas cidades mais populares da Itália, acaba saindo caro. Para economizar compre paninis e pedaços de pizza.

 City Pass – Se você pretende  fazer vários passeios turísticos, o cartão turístico da cidade te dará vários descontos para os principais museus, excursões e atrações. Ele tem o preços mais em conta quando comparado à compra de ingressos separados.

Alguns deles são:

 

Idioma na Itália

O italiano é o idioma oficial. Dialetos são falados em algumas regiões da Itália. O alemão é falado no Sul do Tirol, região que faz fronteira com a Áustria. O francês é falado em todas as áreas da fronteira da Riviera com a área ao norte de Milão (fronteira com a França e a Suíça). Já o inglês, francês e alemão são falados em grandes cidades e no turismo (mas não espere que você sempre consiga se comunicar nesses idiomas).

 

Palavras Comuns em Italiano

  • Cerveja = Birra
  • Bom dia = Buongiorno
  • Boa noite = Buona notte
  • Coma que te faz bem = Mangia, ti rende bene
  • Fechado = Chiuso
  • Perigo = Pericolo
  • Você fala inglês? = Parla inglese?
  •  Médico = Medico
  • Oito = Otto
  • Oitenta = Ottanta
  • Entrada = Entrata
  • Exit = Uscita
  • Cinqüenta = Cinquanta
  • Cinco = Cinque
  • Quarenta = Quaranta
  • Quatro = Quattro
  • Sexta-Feira = Venerdì
  • Adeus = Arrivederla (formal) / Arrivederci (informal)
  • Olá = Buon giorno / Buona sera (após 1500)
  • Hotel = Albergo
  • Como você está? = Come sta?
  • Quanto custa? = Quanto costa?
  • Eu estou muito bem = Sto molto bene
  • Eu não entendo = Non capisco
  • Eu me sinto mal = Non mi sento bene
  • Menu = Menù
  • Segunda-Feira = Lunedì
  • Meu nome é = Mi chiamo
  • Nove = Nove
  • Noventa = Novanta
  • No = Não
  • Um = Uno
  • Uma Centena = Cento
  • Mil = Mille
  • Aberto = Aperto
  • Por favor, = Por favore
  • Restaurante = Ristorante
  • Sábado = Sabato
  • Sete = Sette
  • Setenta = Settanta
  • Seis = Sei
  • Sessenta = Sessanta
  • Domingo = Domenica
  • Dez = Dieci
  • Obrigado = Grazie
  • Trinta = Trenta
  • Três = Tre
  • Quinta-Feira = Giovedì
  • Hoje = Oggi
  • Banheiros = Bagno / Servizio
  • Amanhã = Domanì
  • Terça-Feira = Martedì
  • Vinte = Venti
  • Dois = Devido
  • Quarta-Feira = Mercoledì
  • Onde está ? = Dov è ?
  • Vinho = Vino
  • Sim = Si

Curiosidades Sobre a Itália

fonte-de-trevi-italia

 

• Turistas arremessam por volta  de 3.000 € (euros) para a Fonte de Trevi, a cada dia. Esse dinheiro é coletado e doado para caridade.
• A Itália é o lar de três vulcões ativos: Monte Etna, Stromboli e Vesúvio. O monte Etna é o vulcão mais ativo permanecendo  em atividade nos últimos 3.500 anos.
• A Itália possui  51 Patrimônios Mundiais da UNESCO, sendo recordista mundial nesse requisito.
•  Em Maio acontece o Giro d’ Itália, uma das competições de ciclismo mais importantes do mundo, com a duração de 3 semanas e que movimenta todo o país.

 

Geografia

A itália possui o formato de uma bota e está situada no sul da Europa, se projetanto sobre o Mar Mediterrâneo. Faz fronteira com França, Suíça, Áustria e Eslovênia.

No centro da Itália, a Toscana tem uma paisagem diversificada, composta de férteis colinas verdejantes próximas a vales de rios, pequenas cadeias de montanhas e uma longa costa arenosa. Ao leste situa-se Umbria, conhecido como o “coração verde da Itália”; montanhosa, com vastas planícies, oliveiras e pinheiros, e Le Marche – uma região de suaves montanhas, rios e pequenas planícies férteis.

Mais para o sul fica Roma, capital da Itália. Dentro de seu recinto fica a Cidade do Vaticano, o menor país do mundo (por área). O sul do país é mais quente e muito mais seco do que o norte. Os três vulcões mais ativos da Europa, que são o Vesúvio, o Etna e Stromboli também estão no sul do país.

A região da Puglia fica onde é caracterizado o “salto da bota”, é um misto de paisagem de férteis planaltos e planícies com extensos olivais.

 

Essas foram as dicas de Viagem para Itália.